O grafiteiro Cranio

Cranio é um dos mais importantes atores da street art brasileira. O dono dos índiozinhos azulados nos revelou um pouco de sua trajetória, em uma visita a sua mais recente exposição « To Chipado ». Com muita marra, falou também de seu contato com o mercado de arte.
Batizado como Fábio Oliveira Parnaíba, Cranio nasceu em 1982. É um filho do Tucuruvi, distrito da zona norte de São Paulo. Apesar de ter no grafite sua principal referência, o artista é um admirador das produções surrealistas de Salvador Dalí.

« Eu nunca me considerei artista e nem me considero. Sou grafiteiro. As pessoas que falam que eu sou artista. Eu aceito, mas… É uma raça diferente »

Ce diaporama nécessite JavaScript.

Em 2015, ele completa 17 anos de rolê — nome dado às expedições que grafiteiros e pichadores fazem na cidade, à procura de muros e paredes para pintar. Sua reputação na rua alavancou sua entrada na galeria. Hoje, é um dos representantes da « arte urbana » mais procurados no mercado de arte. Suas obras vão de 6 a 25 mil reais.

Quando perguntado sobre o mercado de arte, ele é taxativo: « Não vejo nenhum problema nisso. Só vejo coisa boa. Se alguém acha isso negativo, é porque não consegue. Se consegue e acha negativo, não sei porque faz ».

« Esse discurso do « perde, perde » (sobre a entrada do grafite na galeria) são uns perdedores que fazem. Eu só ganho, nunca perdi nada »

Em sua fala, como no mercado, a diferença entre o que é feito dentro e fora do cubo branco é confusa. Cranio diz que sua produção praticamente não muda — ele mantém-se fiel ao spray e aos indígenas nas telas — porém, será que a essência do grafite pode ser resumida ao material e aos personagens?

Publicités

Laisser un commentaire

Entrez vos coordonnées ci-dessous ou cliquez sur une icône pour vous connecter:

Logo WordPress.com

Vous commentez à l'aide de votre compte WordPress.com. Déconnexion / Changer )

Image Twitter

Vous commentez à l'aide de votre compte Twitter. Déconnexion / Changer )

Photo Facebook

Vous commentez à l'aide de votre compte Facebook. Déconnexion / Changer )

Photo Google+

Vous commentez à l'aide de votre compte Google+. Déconnexion / Changer )

Connexion à %s